top of page
  • Foto do escritorLiberto Alexandre Rodas Matos

Os sintomas da fibromialgia: Um guia completo para reconhecer e tratar a doença

Atualizado: 22 de ago. de 2023

Guia dos sintomas da Fibromialgia: tudo o que você precisa saber sobre a doença que a Reumatologia mais dificuldade tem a diagnosticar.



sintomas fibromialgia
Guia completo dos sintomas da Fibromialgia: tudo o que precisa saber sobre a doença de reumático do século!


Se está enfrentando dor crônica generalizada, fadiga extrema e distúrbios do sono, pode ser que esteja lidando com os sintomas da fibromialgia. Esta condição de saúde debilitante afeta milhões de pessoas em todo o mundo, e reconhecer os sinais precoces é fundamental para um tratamento adequado.


Neste guia completo, vamos explorar os principais sintomas da fibromialgia e fornecer informações essenciais sobre como identificar e tratar essa doença. Você aprenderá sobre os pontos de dor característicos da fibromialgia, bem como as questões emocionais e cognitivas que muitas vezes a acompanham.


Para aqueles que sofrem com esta condição, entender os sintomas é um primeiro passo para obter o apoio necessário e melhorar a qualidade de vida. Discutiremos as opções de tratamento disponíveis, incluindo abordagens médicas, terapêuticas alternativas e de autocuidado, que podem ajuda-lo a gerenciar os sintomas e reduzir o impacto da fibromialgia no dia-a-dia.

Prepare-se para se equipar com conhecimentos valiosos sobre a fibromialgia e obter uma compreensão abrangente dessa doença complexa.



Introdução à fibromialgia


A fibromialgia é uma síndrome crônica que se caracteriza principalmente por dor generalizada no corpo, mal estar e fraqueza muscular geral.


Os sintomas podem variar de pessoa para pessoa, mas os mais comuns incluem dor muscular, sensibilidade nas articulações, fadiga intensa, distúrbios do sono e problemas cognitivos.


Além dos sintomas físicos, muitos pacientes com fibromialgia também experimentam sintomas emocionais, como ansiedade e depressão. Esses aspectos emocionais podem agravar a percepção da dor e dificultar ainda mais a qualidade de vida.






Tratamento da fibromialgia


 

Diagnóstico da fibromialgia: Medicina Chinesa versus Medicina Convencional


O diagnóstico da fibromialgia pode ser um desafio, pois não existem testes laboratoriais específicos para confirmar a presença da doença.


Na medicina convencional, os médicos geralmente baseiam-se nos critérios estabelecidos pelo Colégio Americano de Reumatologia para diagnosticar a fibromialgia.


Muitas vezes para tentar diagnosticar a doença o médico reumatologista prescreve exames de ecografia das partes moles, ou ainda exame de eletromiografia, exame que consiste na inserção de agulhas ao longo do corpo com medição dos potenciais de reação dos músculos e nervos.


Este exame é classificado pelos doentes, que a ele se submetem, como muito doloroso, devido ao calibre das agulhas e ás zonas aonde estas são colocadas.


No entanto, a medicina tradicional chinesa tem uma abordagem diferente para diagnosticar a fibromialgia. Os médicos chineses avaliam não apenas os sintomas físicos, mas também a energia vital do paciente e o equilíbrio dos meridianos do corpo.


Na medicina chinesa a fibromialgia é uma síndrome de bloqueio ou estancamento (yu) da energia vital do fígado/vesícula biliar. Estes orgãos regulam a energia dos músculos, tendões e unhas e o seu comprometimento energético é responsavel pelas queixas dos doentes.



Compreendendo as causas da fibromialgia


Neste campo ambas as medicinas tem visões diferentes quanto ás causas que originam a manifestação dos sintomas da fibromialgia.


 as causas da fibromialgia segundo a medicina tradicional chinesa
Segundo a Medicina Tradicional Chinesa a causa da fibromialgia relaciona-se com um bloqueio (yu) da energia vital do Figado/Vesícula Biliar

As causas da fibromialgia segundo a Medicina Tradicional Chinesa


Como já vimos acima segundo a Medicina Chinesa a fibromialgia é provocada por uma fraqueza (diástese) no terreno Figado/Vesícula Biliar.


Fator genético

Os doentes de fibromialgia apresentam em regra histórico familiar de problemas digestivos, com mau funcionamento hepático e biliar: os pais e avós já vem sofrendo de problemas com estes orgãos.


Fator emocional

O fígado e vesícula biliar são orgãos com um funcionamento energético e fisiológico muito subtíl. Experiências emocionais mais fortes como acidente de quase morte, divórcio, morte de um ente querido, são suficientes para bloquearem o seu funcionamento e provocarem um estancamento.


Fator meio ambiental

O ser humano é um ser metreológico por natureza, sensível ás mudanças de estação, temperatura e humidade. Na medicina chinesa o fígado/vesicula bilar protegem o nosso organismo do vento, frio e humidade, e assim, a exposição a estes elementos naturais agrava os sintomas da fibromialgia, principalmente no inverno.


Fator alimentar

Somos o que comemos e todos os alimentos que agridem o figado/vesícula biliar agravam os sintomas da doença. O doente fibromiálgico deve abster-se de consumir bebidas alcoolicas, alimentos processados fritos, fast-food, bolos e pastelaria e laticínios.


Género do doente

O homem é por natureza figado, pois apresenta uma compleição física robusta com muito músculo e por isso em termos poderais, o fígado do homem é maior e mais pesado do que o da mulher. Tendo mais músculo para governar, e sendo de maiores dimensões o figado do homem, tem mais dificuladade em bloquear (estancar) pelos fatores listados acima.


É por essa razão que a fibromialgia afeta maioritariamente o género feminino. Estima-se que a nível mundial 70% dos doentes de fibromailgia sejam do sexo feminino. O figado da mulher é mais pequeno e menos robusto e sendo a mulher, um ser emocional por natureza, é mais facil o seu figado ser energéticamente bloqueado pelos fatores acima mencionados.




as causas da fibromialgia segundo a medicina convencional
A Medicina convencional tem dificuladade em diagnosticar e a determinar a origem da fibromialgia

As causas da fibromialgia segundo a Medicina convecional


Para a medicina convencional as causas da fibromialgia ainda são desconhecidas, mas há uma série de fatores que podem contribuir para o desenvolvimento da doença.


Alguns estudos sugerem que a fibromialgia pode estar relacionada a distúrbios do sistema nervoso central, alterações nos níveis de substâncias químicas do cérebro e até mesmo a predisposição genética.

Fatores de estilo de vida, como estresse crônico, falta de exercício físico e má qualidade do sono, também podem desempenhar um papel importante no desenvolvimento e na gravidade dos sintomas da fibromialgia.


Tratamento da fibromialgia


A maioria dos doentes de fibromialgia recorre á medicina convencional, assim que surgem os primeiros sinais da doença, contudo como esta medicina não é uma medicina holistica, pois está compartimentada por especilidades, os doentes sofrem meses e por vezes anos com os sintomas, sem que os médicos consigam perceber ou dar um diagnóstico definitivo de firbromialgia.


Tratamentos convencionais: medicamentos, fisioterapia e termas.

Os remédios para o tratamento da fibromialgia normalmente são os antidepressivos, como a amitriptilina ou duloxetina, relaxantes musculares, como a ciclobenzaprina, e neuromoduladores, como a gabapentina. O médico especialista na dor fibromiálgica pode ainda prescrever, tratamentos de fisioterapia e termas.


Inicialmente a maioria dos doentes melhoram com abordagem da medicina convencional, uma vez que a medicação alivia momentaneamente a inflamação muscular, contudo com o passar dos meses e anos, como apenas estão a ser tratados os sintomas e não a origem do problema, o organismo torna-se resistente aos fármacos e os medicamentos deixam de fazer efeito.


Prova disso são os doentes com fibromialgia com vários anos que constantantemente necesitam de trocar de medicação, usando cada vez mais drogas mais fortes.


Acupuntura e moxabustão: tratamentos alternativos para fibromialgia


A acupuntura e a moxabustão são práticas da medicina tradicional chinesa que têm sido utilizadas para tratar uma variedade de condições de saúde, incluindo a fibromialgia. A acupuntura envolve a inserção de agulhas em pontos específicos do corpo para estimular o fluxo de energia e promover equilíbrio.


A moxabustão, por sua vez, utiliza a aplicação de calor em pontos de acupuntura para aliviar a dor e aumentar a circulação de energia. Ambas as práticas são consideradas seguras e podem proporcionar alívio dos sintomas da fibromialgia para muitos pacientes.



tratamento dos sintomas da fibromialgia com acupuntura
A Acupuntura Bioenergética trata eficazmente os sintomas da fibromialgia

Primeiro: Desbloqueio da energia do figado com Acupuntura Bioenergética


Depois do acupuntor perceber se a fibromialgia é um bloqueio por plenitude (síndrome shi) ou por vazio (sindrome xu) da energia do figado/vesícula biliar, torna-se necessário desbloquear essa energia com Acupuntura Bioenergética.


A Acupuntura Bioenergética é a evolução da acupuntura clássica e combina o saber milenar da medicina chinesa com o saber ciêntifico da medicina convencional. Se quiser saber mais este tipo de acupuntura praticada nas Clínicas Dr. Liberto Matos clique na nossa página de Acupuntura Bioenergética.



tratamento dos sintomas da fibromialgia com moxabustão
A Moxabustão com Artemísia vulgaris é uma terapêutica muito eficaz para tratar os sitomas da fibromialgia

Segundo: Tonificar a circulação de energia e sangue nos músculos com Moxabustão


A moxabustão é uma técnica terapêutica mais antiga que a própria acupuntura e consiste na aplicação de rolos de moxa, produzidos apartir da planta Artemísia (Artemisia vulgaris) sobre os pontos de acupuntura que tonificam a circulação energética e sanguínea aos músculos.


Testemunhos de utentes de fibromialgia com foto


Muitos pacientes com fibromialgia relatam melhorias significativas em seus sintomas após a realização de sessões de acupuntura. Essas experiências pessoais são um testemunho do potencial da acupuntura como um tratamento eficaz para a fibromialgia.


Os depoimentos de pacientes curados de fibromialgia através da acupuntura são encorajadores e podem oferecer esperança para aqueles que estão lutando contra essa doença debilitante.


Desde 2011 que o Dr. Liberto Matos trata de doentes de fibromialgia. Centenas de doentes tem sido curados ao longo destes mais de 12 anos de prática clínica. Conheça os nossos testemunhos de fibromialgia com foto, porque os utentes das Clínicas Dr. Liberto dão a cara e são reais!






Mudanças no estilo de vida para melhorar os sintomas da fibromialgia


Além dos tratamentos de acupuntura bioenergética, fazer mudanças no estilo de vida pode ser fundamental para melhorar os sintomas da fibromialgia.


Dieta saudável e equilibrada melhora a fibromialgia


Adotar uma dieta saudável e equilibrada, incluindo muitos legumes, fruta da época, comida cozida ou gelhada, beber 1,5 L de água por dia ajuda o seu organismo a regenerar o funcionamento do figado e vesícula e portanto melhora os sintomas da fibromialgia.


Exercício fisico regular e rotinas de sono adequadas ajudam a reduzir o stress


Praticar exercícios físicos regularmente e estabelecer rotinas de sono adequadas ajudam a gerenciar o stress de forma eficaz, o que paulatinamente vai conduzindo o seu organismo para a cura.


Os doentes de fibromialgia devem evitar desportos com água, com exposição ao frio ou ao vento.


O vento e a humidade potenciam o frio. Assim desportos que exponham o doente de fibromialgia a vento, humidade e frio pioram os sintomas da fibromialgia. Assim não é recomendável ao doente praticar natação, surf, windsurf, bodyboard, andar de mota, ciclismo outdoor e outros desportos de exposição a estas forças da natureza.


O deporto ideal é a prática de pilates clínico, sempre com acompanhamento de um técnico de desporto cpacitado.

Estas pequenas mudanças no estilo de vida podem ter um grande impacto na qualidade de vida de quem sofre de fibromialgia, permitindo que eles desfrutem de maior bem-estar e reduzam a interferência da doença em suas atividades diárias.



mexe mexe é um produto natural que trata os sintomas da fibromialgia
MEXE-MEXE: Fórmula inovadora desenvolvida pelo Dr. Liberto Matos para o tratamento dos sintomas da fibromialgia

Remédios naturais para controlar os sintomas da fibromialgia


Além dos tratamentos convencionais e alternativos, existem vários remédios naturais que podem ajudar a controlar os sintomas da fibromialgia. Esses remédios incluem o uso de ervas medicinais como a urtiga verde, o salgueiro branco, a boswellia serrata, e o harpago.


O Dr. Liberto Matos desenvolveu uma fórmula unica á base de plantas para tratar eficazmente os sintomas da fibromialgia: MEXE-MEXE Regeneração Articular . Se quiser saber mais sobre esta fórmula fantástica, que é utilizada por centenas de doentes de fibromialgia clique na nossa página sobre o MEXE-MEXE




Dr. Liberto Matos é especialista no tratamento dos sintomas da fibromialgia


dr liberto matos é especialista no tratamento dos sintomas da fibromialgia
Dr. Liberto Matos na cereminónia de graduação de Mestres em Acupuntura Bioenergética e Moxabustão decorrida no 12º Congresso Mundial de Medicina Chinesa em Barcelona, Setembro de 2015

O Dr. Liberto Matos é mestre em acupuntura bioenergética e moxabustão e apresentou como tese de mestrado um trabalho de investigação com o seguinte título: "Tratamento da fibromialgia com acupuntura bioenergética e moxabustão".


Ao longos de 12 anos de prática clínica intensa já tratou com sucesso centenas de doentes com sintomas de fibromialgia, tendo a sua grande maioria sido curada da doença. Se quiser saber mais sobre a consulta de fibromialgia consulta a nossa página de Tratamento da Fibromialgia


Está á espera de quê?

Compre já a sua consulta de Fibromialgia online com desconto, marque a consulta na Linha de Apoio das 7h-19H 969 990 656 e seja curado da Fibromialgia!

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page